«

»

jun 13 2008

Para refletir – Cuidado com os burros motivados!

Recebi esta apresentação hoje, de um colega aqui na BT, e achei fantástica. Vale a pena ler e refletir…!

Abs!

Marco.

Clique para Baixar!

0
0

9 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Mizael Andrade Reis

    É exatamente essa realidade em que vivemos.pensando nela, disse Albert einstein:

    “Triste época! É mais fácil desintegrar um átomo do que um preconceito.”

    0

    0
  2. Rodrigo Farias

    Um cara consciente no Brasil… rs

    Pena que os políticos não pensem da mesma forma.

    Porque pra conseguir ser eleito tem que roubar né..

    0

    0
  3. pedroj

    Realidade brutal.

    Resumindo ninguém quer começar por baixo, até porque todos querem manter a aparencia.

    Para começar de cima, o sujeito mente, ou omite, seja no currículo ou na hora da entrevista.

    Mas afinal, porque a coisas são assim?

    Por causa dos RESULTADOS!!!!!

    Porque a maioria os empresários querem uma pessoa pronta, onde não se precise gastar um centavo na formação do sujeito.

    Na nossa área eles é pior um pouco pois te entregam uma solução hoje, que vc nunca viu, para poder implementar no cliente depois de amanhã ou amanhã mesmo.

    Como vc vai fazer isso?

    Aí já é problema seu!!!!!

    E o pior é que tem gente que mente para depois enfrentar esse tipo de coisa.

    Os resultados então não aparecem, e o resto agente já conhece !!!!

    0

    0
  4. pedroj

    Hummm, agora que vi os erros gramaticais.

    Mas deu para entender meu pensamento.

    0

    0
  5. lgchiaretto

    é .. muita coisa é real…. muitas pessoas ficam procurando a solução dos seus problemas em ‘super heróis’ … e esquecem que elas mesmas podem ser a solução de tudo .. resumindo !!

    :o)

    0

    0
  6. jorge.ff

    A parte sobre processo seletivo é totalmente verdadeira ….. sou uma pessoa muito dedicada , que sempre está em busca de conhecimento , mas sou uma pessoa muito quieta , já perdi muitas oportunidades de emprego por isso , ai você vai ver muitas vezes a pessoa que foi contratada não sabe nada além de falar bonito , e etc …….

    0

    0
  7. Thiago Messias

    Realmente interessante!!

    0

    0
  8. Rodrigo Falcão

    O fato é que devemos procurar ser felizes como somos, e como muitas vezes citou o Roberto, deixar de querer refletir a vontade dos outros em nossa vida!

    Abçs!!

    0

    0
  9. Fabio Luiz Pagoti

    esse Roberto toca em pontes interessantes heinn!!

    achei outro texto dele bastante interessante:

    O Vaso

    Versão adaptada por Roberto Shinyashiki

    Certo dia, num mosteiro zen-budista, com a morte do guardião foi preciso encontrar um substituto. O grande Mestre convocou então todos os discípulos para determinar quem seria o novo sentinela. O Mestre, com muita tranqüilidade, falou:

    – “Assumirá o posto o primeiro monge que resolver o problema que vou apresentar.”

    Então, ele colocou uma mesinha magnífica no centro da enorme sala em que estavam reunidos e, em cima dela, pôs um vaso de porcelana muito raro, com uma rosa amarela de extraordinária beleza a enfeitá-lo e disse apenas:

    – “Aqui está o problema!” Todos ficaram olhando a cena. O vaso belíssimo, de valor inestimável, com a maravilhosa flor ao centro. O que representaria? O que fazer? Qual o enigma?

    Nesse instante, um dos discípulos sacou a espada, olhou o Mestre, os companheiros, dirigiu-se ao centro da sala e … ZAPT … destruiu tudo, com um só golpe. Tão logo o discípulo retornou a seu lugar, o Mestre disse:

    – “Você será o novo Guardião do Castelo.”

    Moral da História: Não importa qual o problema. Nem que seja algo lindíssimo. Se for um problema, precisa ser eliminado. Um problema é um problema. Mesmo que se trate de uma mulher sensacional, um homem maravilhoso ou um grande amor que se acabou. Por mais lindo que seja ou, tenha sido, se não existir mais sentido para ele em sua vida, tem que ser suprimido.

    Muitas pessoas carregam a vida inteira o peso de coisas que foram importantes no passado, mas que hoje somente ocupam um espaço inútil em seus corações e mentes. Espaço esse indispensável para recriar a vida. Existe um provérbio oriental que diz: “Para você beber vinho numa taça cheia de chá é necessário primeiro jogar o chá fora, para então, beber o vinho.”

    Ou seja, para aprender o novo, é essencial desaprender o velho.

    0

    0

Deixe uma resposta