«

»

set 10 2008

1 – Perguntas Básicas, Respostas Básicas – INTERNETWORKING

Olá, meus amigos.

Depois de alguns dias para que todos “digerissem” os artigos que já publiquei, além também de estar imersa no estudo para meu exame, agora venho com uma série de perguntas e respostas básicas para esclarecer e reafirmar conceitos elementares, mas que em um dado momento podemos nos confundir, um efeito colateral quase certo após toneladas informações absorvidas.

Vocês sabiam que o nosso cérebro detecta, através dos 5 sentidos, em torno de 4.000 bilhões de informações, mas só consegue tratar 4.000 ??? Pois é, temos uma Ferrari e utilizamos como um Fusquinha. E aqueles que estão estudando para o exame CCNA sabem que o excesso de informação é sentido, e acreditem : quando você relaxa, vê um bom filme, dá muita risada, todo aquele conhecimento, cria raízes no seu cérebro. E falando em Ferrari, aquela, linda, vermelha…

(você deve estar logado para ler este post)

Vi um documentário no Discovery Channel sobre o treinamento psicológico de pilotos de F1, e o método que eles, a escuderia, utilizam para antecipar as reações do piloto em centésimos de segundos diante de uma curva ou manobra em um circuito que já conhece, e depois faz mentalmente. O piloto faz o circuito, 2, 3 vezes. Depois, mentaliza todo circuito sentado no sofá da escudeira, sendo orientado pelo psicólogo. E acreditem : FUNCIONA !

Fiz a analogia, e percebi que vale para nós, que tratamos um número enorme de informações e devemos acessá-las rapidamente, ainda mais diante de uma situação como o exame de certificação, no qual temos que responder em média em torno de 1,5 min cada questão, e com acuidade. E não temos o botão PREVIOUS habilitado para voltar, somente o NEXT.  (rs). Dureza…

Fiz isso com os comandos de um cenário, sem o notebook. Sentei à mesa, fechei os olhos e comecei a digitar. Imaginei a topologia, coloquei endereços IPs… roteamento… protocolos WAN… e blá…blá..blá… fiz a mentalização de todo caminho percorrido pelo pacote, pelo frame… E funciona ! Parece que você faz uma imersão e sabe exatamente como, onde e quando tudo acontece. É claro que o nosso tempo de reação não está na casa de “centésimos de segundos” como dos pilotos,  mas o treinamento mental nos dá a sensação reconfortante de saber, de conhecer, de registrar e acessar rápido a informação.

Agora, observem abaixo os passos de como a informação cria raízes no seu cérebro e a solução de um problema, qualquer que seja ele, seja rapidamente acessada :

  • Fazer mentalmente, antecipa a ação

  • Processo de aprendizado é feito no cerebelo

  • Processo de aprendizagem primeiro passa pelo cerebelo e vai para o cérebro, onde é feito o cálculo da solução

  • Solução desce e é armazenada pelo cerebelo e desce para ser executada

  • Após várias e várias tentativas, o cerebelo já armazenou a solução e não é mais necessário seu cálculo pelo cérebro

  • Nas primeiras tentativas, as reações são lentas, mas após algumas tentativas, a solução é rápidamente executada, e sua ordem vem do cerebelo !

  • A “visualização mental” do processo a ser aprendido, agiliza a sensação de conforto na hora em que é feita físicamente

  • Após algumas práticas mentais, o processo é feito naturalmente

  • Como se isto fosse um processo feito sem esforço, porque a solução já foi aprendida pelo cerebelo

  • E para que seja vitorioso, apenas queira o 1o. lugar

  • Sinta-se vitorioso. Pense somente na vitória.

  • Mantenha-se calmo. Nada de reações que afetem seu desempenho.

Observou o grifo no “mantenha-se calmo”  ?!?! Pois é, cabeça de gêlo. (rs)

Agora leia as perguntas abaixo, 2, 3, 4 vezes, sem pressa. Com a rotina, você percebe que a informação vem sem esforço. Você olha um cenário de uma questão, e sabe que tem a solução, e ela vem rápida.

Importante dizer : Isso vale para qualquer aprendizado.

Funciona prá mim, e espero que funcione para você.  🙂

Sds.
Márcia Guimarães

Obs.: Ao mvtrino e minu que pediram um lab no Dynamips sobre Acccess List filtrando diversos tráfegos. Não esqueci. Em breve vou colocar aqui. ok? 🙂


 INTERNETWORKING


Quais são as 3 camadas do Modelo Hierárquico Cisco ?

access layer            ou DESKTOP
distribution layer  ou WORKGROUP
core layer               ou BACKBONE

No Modelo Hierárquico Cisco, qual é a função da camada Access ?

Algumas vezes referida como camada DESKTOP, a camada ACCESS é o ponto no qual os usuários se conectam a rede através de switches de baixo custom (low-end).

Algumas funções da camada Access incluem:

  • fornece conectividade a camada Distribuição

  • compartilhamento de bandwidth

  • filtragem de endereços MAC (switching)

  • segmentação

  • segurança ao permitir acl´s para otimizar a necessidade do usuário

Qual a função da camada Distribuição no Modelo Hieráquico da Cisco?

A camada Distribuição é também conhecida como camada WORKGROUP. Ela é o ponto de demarcação entre as camadas Core e Access da rede. Sua função primária é fornecer roteamento, filtragem e acesso WAN. A camada distribuição determina como os pacotes acessam a camada Core, de modo que ela é a camada na qual existe a implementação de conectividade baseada em segurança. Algumas das suas funções incluem:

  • coleção de pontos para os dispositivos da camada de acesso

  • definição/segmentação de domínios de broadcast e multicast

  • serviços de filtragem e segurança como firewalls e access lists-ACL´s

  • fornecer tradução entre diferentes tipos de meio

  • roteamento inter-vlan

Qual é a regra da camada Core no Modelo Hirárquico da Cisco ?

A camada Core é o BACKBONE da rede. Sua principal função é comutar tráfego quanto mais rápido for possível. Então, nela não deve ser implementada qualquer tipo de filtragem para que não deixe o tráfego lento.

O Modelo de Referência OSI da ISO contém 7 camadas. Quais são elas ?

Layer 7 – Application layer
Layer 6 – Presentation layer
Layer 5 – Session layer
Layer 4 – Transport layer
Layer 3 – Network layer
Layer 2 – Data link layer
Layer 1 – Physical layer

Nota: Sei que é o básico do básico, mas reafirmar é bom. E em Inglês melhor ainda.

Quais são algumas das razões que a indústria utiliza um modelo em camadas?

Aqui estão algumas das razões porque a indústria usa um modelo em camadas:

  • ele encoraja a padronização da indústria ao definir quais funções ocorrem em cada nível

  • ele permite ao fabricantes modificar ou melhorar componentes numa única camada versus re-escrever toda uma pilha de protocolo

  • ele ajuda na interoperabilidade ao definir padrões para operações em cada nível

  • ele ajuda no troubleshooting.

O que a camada APLICAÇÃO (Layer 7) do Modelo OSI faz, e quais são alguns exemplos desta camada?

A camada aplicação é a camada que está mais perto do usuário. Isto significa que esta camada interaje diretamente com a aplicação de software. A principal função da camada aplicação é identificar e estabelecer a comunicação com parceiros, determinar os recursos disponíveis, e sincronizar a aplicação. Alguns exemplos incluem:

Telnet(tcp-23), File Transfer Protocol (FTP)(tcp-20-d/21-c), Simple Mail Transfer Protocol (SMTP)(tcp-25), HTTP (tcp-80)

No Modelo OSI, quais são as responsabilidades da camada de APRESENTAÇÃO (Layer 6)? Dê alguns exemplos desta camada.

Também conhecida como TRADUTOR, a camada de Apresentação fornece funções de conversão e codificação para os dados da camada de Aplicação. Isto garante que a camada de Aplicação em outro sistema possa ler os dados transferidos de uma camada de Aplicação de uma sistema diferente. Alguns exemplos de camada de Apresentação são :

  • compressão, descompressão e encriptação

  • JPEG, TIFF, GIFF, PICT, QuickTime, MPEG, e ASCII

 Nota: Quando você ouve uma música no seu navegador,  um filme no YouTube, qual camada está atuando o tempo todo ???

Quais são as funções da camada SESSÃO (Layer 5)? Dê alguns exemplos desta camada.

A camada de Sessão é responsável pela criação, gerenciamento, e finalização das sessões de comunicação entre entidades da camada de apresentação. Estas sessões consistem de requisições e respostas de serviços que se desenvolvem entre aplicações localizadas entre diferentes dispositivos de rede. Alguns exemplos incluem são:

SQL, RPC, NFS, X Window System, ZIP, nomes NetBIOS e AppleTalk ASP.

Quais são as funções da camada TRANSPORTE (Layer 4)? Dê alguns exemplos das implementações da camada de Transporte.

A camada de Transporte segmenta e rearruma os dados das camada superiores em fluxo de dados ou data streams. Ela fornece uma transmissão confiável de dados para as camadas superiores. Comunicações fim-a-fim ou end-to-end, fluxo de controle (flow control), multiplexação, detecção de erro e correção, e gerenciamento de circuito virtual são funções típicas da camada de Transporte. Alguns exemplos incluem TCP, UDP* e SPX.

Nota: tome cuidado com as comunicações fim-a-fim no exame !!!! Camada de Transporte !!!

* Correção de erro não se aplica ao UDP – não-orientado a conexão ou connection-less – não-confiável…..

O que é flow control, e quais são os 3 métodos para implementá-lo?

Fluxo de controle é o método de controle de taxa na qual um computador envia dados, desse modo previnindo um congestionamento de rede. Os 3 métodos de implementação do flow control são :

  • Buffering

  • Congestion avoidance

  • Windowing

Nota : Quase certo cair no exame !!!

Quem faz o controle de fluxo, o emissor ou o receptor ?

O receptor. Pode parecer estranho, mas é isso mesmo. E por quê? Simples. Quem envia o ACK é o receptor, portanto, é ele quem diz para o emissor : “Confirmo o segmento 4. Mande o próximo segmento !”. É o ACK que diz ao emissor para “ir devagar” ou “pode aumentar a velocidade de envio“. Portanto, não esqueça isso. É o receptor quem controla o fluxo !

Descreva a função da camada de REDE (Layer 3), e dê alguns exemplos das implementações da camada de rede.

A camada de rede fornece roteamento a internetwork e endereçamento da rede lógica (IP). Ela define como transportar o tráfego entre dispositivos que não estão localmente anexados. A camada de Rede também suporta serviço orientado a conexão e não-orientado a conexão para os protocolos das camadas superiores.

Routers operam na camada de Rede.
IP, IPX, AppleTalk, DDP, ARP,RARP,ICMP são exemplos das implementações da camada de rede.

Os endereços da camada de rede são físico ou lógicos?

Os endereços da camada de rede são endereços lógicos especificados por um protocolo da camada de rede sendo executado na rede. Cada protocolo da camada de rede tem um esquema diferente de endereçamento. Eles são normalmente hierárquicos e definem as redes primeiro e depois os hosts ou dispositivos naquela rede.

Um exemplo de um endereço de rede é um endereço IP, que é um endereço de 32 bits, frequentemente expresso no formato decimal.

192.168.0.1 é um exemplo de um endereço IP no formato decimal.

Como os routers funcionam na camada de Rede do Modelo OSI?

Routers aprendem, gravam e mantém anúncios de diferentes redes. Eles decidem qual o melhor caminho para estas redes e mantém esta informação na tabela de roteamento. A tabela de roteamento inclue as seguintes informações :

  • Endereços de rede, que são específicos de um protocolo. Se vc estiver rodando mais de um protocolo, vc terá um endereço de rede para cada protocolo.

  • O router utiliza a interface para rotear um pacote para uma rede diferente.

  • Uma métrica, que é a distância para uma rede remota ou um peso da bandwidth, load (carga), delay (atraso), e confiabilidade (reliability) de um path até uma rede remota

  • Routers criam domínios de broadcast. Uma interface no router cria um único domínio de broadcast e domínio de colisão. Entretanto, cada interface em um switch cria um único domínio de colisão.

Além de aprender uma rede remota e fornecer o caminho para esta rede, quais as outras funções os routers realizam?

Routers executam as seguintes tarefas:

  • Routers, por default, não encaminham broadcasts ou multicasts (a não ser que sejam orientados a isso)

  • Routers podem executar funções de bridging e routing

  • Se um router tem múltiplos caminhos para um destino, ele pode determinar o melhor caminho para o destino.

  • Routers encaminham tráfego baseados nos endereços de destino da Camada 3, ou seja, endereço IP.

  • Routers podem conectar Virtual LANs (VLANs).

  • Routers podem fornecer QoS ou Quality of Service para tipos específicos de tráfego de rede.

Qual é a responsabilidade da camada Data Link (Layer 2)?

A camada Enlace de Dados fornece meios funcionais e procedurais para entidades no modo não-orientada a conexão, e para entidades no modo orientada a conexão poderem estabelecer, manter e liberar conexões de link de dados entre entidades de rede e para transferir unidade de serviços de dados. A camada enlace de dados traduz as mensagens da camada de rede para bits para a camada física, e é ela que habilita a camada de Rede a controlar as interconexões de circuitos de dados dentro da camada Física.

Essas especificações definem diferentes características de protocolo e rede, incluindo endereçamento físico, notificação de erro, topologia de rede e sequenciamento de frames.

Protocolos da camada Enlace de dados provêem a entrega através de links individuais e estão preocupados com diferentes tipos de meios, como 802.2 e 802.3. A camada Enlace de dados é responsável por colocar “1s” e “0s” dentro de uma ordem lógica. Estes “1s” e “0s” são então colocados no fio físico. Alguns exemplos de implementações da camada data link são :

IEEE 802.2/802.3, IEEE 802.5/802.2, trailer do pacote (para Ethernet, o FCS ou CRC), FFDI, HDLC, e Frame Relay.

Quais as 2 sub-camadas na camada enlace de dados o IEEE definiu ?

Logical Link Control     (LLC)  sublayer – 802.2
Media Access Control  (MAC) sublayer – 802.3

Estas são as duas sub-camadas que fornecem independência ao meio físico

Qual a responsabilidade da sub-camada LLC?

A sub-camada Logical Link Control (802.2) é responsável por identificar diferentes protocolos da camada de rede e então encapsulá-los para serem transferidos através da rede. Um header LLC diz a camada enlace de dados o que fazer com um pacote depois de recebê-lo.

Quais as funções da sub-camada Media Access Control (MAC) ?

A sub-camada MAC especifica como o dado é colocado e transportado sobre o meio físico. A camada LLC se comunica com a camada de Rede, porém a camada MAC se comunica diretamente abaixo com a camada Física. O endereçamento físico (endereços MAC), topologias de rede, notificação de rede, notificação de erro e entrega de frames são definidas nesta sub-camada.

Quais são os dispositivos que operam na camada Enlace de Dados ?

Bridges, switches e placas de rede são os dispositivos de rede que operam na camada Enlace de Dados. Ambos são dispositivos de rede que filtram tráfego de rede através de endereços MAC.

Qual é a função da camada Física no Modelo OSI (Layer 1)? Dê alguns exemplos de implementações na camada Física.

A camada Física define o meio físico. Ela define o tipo de meio, o tipo de conector, e o tipo de sinalização (baseband (bps) versus broadband (hz)). Isto inclue níveis de voltagem, taxa de dados física e comprimento máximo de um cabo. A camada Física é responsável pelo conversão de frames em bits de dados eletrônicos, que são então enviados ou recebidos através do meio físico. Par trançado (twisted pair), cabo coaxial, e fibra-óptica operam neste nível. Outras implementações nesta camada são repetidores / hubs e RJ-45.

Quais são os padrões Ethernet e IEEE 802.3 que definem o padrão de cabeamento físico que operam em 10 Mbps?

10Base2
10Base5
10BaseT

O que são domínios de colisão ?

Em segmentos Ethernet, dispositivos conectados ao mesmo meio físico. Por causa disso, todos os dispositivos recebem todos os sinais enviados através do fio.

Se 2 dispositivos enviam um pacote ao mesmo tempo, uma colisão ocorre. No evento de uma colisão, os 2 dispositivos executam o Algoritmo de Backoff e re-enviam o pacote. Os dispositivos re-transmitem até 15 vezes. A primeira estação que detectar a colisão emite um “jam signal” ou sinal de bloqueio. Quando um “jam signal” é enviado por uma estação, ele afeta todas as máquinas naquele segmento, não apenas as 2 máquinas que colidiram; quando o “jam signal” está presente no fio, nenhuma estação pode transmitir dados. Quanto mais colisões ocorrerem numa rede, mais lenta ela ficará, porque os dispositivos terão que re-enviar o pacote. Um domínio de colisão define o grupo de dispositivos conectados no mesmo meio físico.

O que são domínios de broadcast ?

Um domínio de broadcast define um grupo de dispositivos onde cada um recebe mensagens de broadcast de outras máquinas. Assim como nos domínios de colisão, quanto mais broadcasts, mais lenta sua rede ficará. Isto porque cada dispositivo que recebe um broadcast deve processá-lo para ver se o broadcast foi destinado a ele.

Quais dispositivos são utilizados para quebrar domínios de colisão e domínios de broadcast ?

Switches e bridges são utilizados para quebrar domínios de colisão. Eles criam mais domínios de colisão e menos colisões (colisões não são considerados erros numa rede Ethernet). Routers são utilizados para quebrar domínios de broadcast. Eles criam mais domínios de broadcast menores por áreas de propagação de broadcast.

Como diferentes camadas do Modelo OSI se comunicam uma com a outra ?

Cada camada do modelo OSI pode se comunicar somente com a camada imediatamente acima dela, ou abaixo dela, e paralelo a ela (camada peer).

Por exemplo, a camada de Apresentação pode se comunicar somente com a camada Aplicação, camada de Sessão, e a camada de Apresentação na máquina com a qual está se comunicando. Estas camadas se comunicam usando os PDU´s ou Protocol Data Units. Estes PDU´s controlam a informação que é adicionada para os dados dos usuários em cada camada do modelo. Esta informação reside nos campos chamados headers (em frente ao campo de dados) e os trailers (no final do campo de dados).

O que é encapsulamento de dados ?

Um PDU pode incluir uma informação diferente conforme ele sobe ou desce o Modelo OSI. A ele é dado um nome diferente de acordo com a informação que está carregando (na camada em que está). Quando a camada de Transporte recebe dados das camadas superiores, ele adiciona um header-TCP aos dados recebidos; o PDU aqui é chamado de SEGMENTO. O segmento é então passado para a camada de Rede, e um header-IP é adicionado; ai o PDU torna-se um PACOTE ou DATAGRAMA. O pacote é passado para a camada Enlace de Dados, ai o PDU torna-se um FRAME ou QUADRO. Este frame é então convertido para bits e é passado para o meio de rede (cobre, fibra, ar). Este é o processo de encapsulamento dos dados.

Para o exame CCNA, vc deverá saber o seguinte :

Application layer – Data
Transport layer – Segment
Network layer – Packet
Data link layer – Frame
Physical Layer — Bits

Qual é a diferença entre protocolo de roteamento e protocolo roteado?

Protocolos de roteamento determinam como rotear o tráfego pela melhor rota disponível para carregar informação de um protocolo roteado de um ponto a outro da rede.

Exemplos de protocolos de roteamento são RIP, EIGRP, OSFP, and BGP.
Exemplos de protocolos roteados são IP, IPX e AppleTalk.

Nota :

Parece bizarro, mas ainda confundem roteado com roteamento !

E para não esquecer mais : roteado é a carta, roteamento é o carteiro.

Quais são os dispositivos utilizados para segmentar a LAN?

Router
Switch
Bridge



Comente usando o Facebook!
0
0

63 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Thiago_Lima

    Muito interessante este Post….Parabens Marcia
    Principalmente a parte q trata de memorização…
    uma forma que me ajuda muito em memorizar é tentando explicar a outra pessoa aquilo q aprendi…
    sem falar nas dúvidas que surgem…
    Estou estudando para tirar o CCNA e fazendo faculdade….percebi que isso ajuda bastante….
    abraço

    0

    0
  2. Alan Rodrigues

    PARABÉNS Márcia!!!!!
    Não só eu como todos os novos estudantes para o exame CCNA agradecemos,pois isso foi uma verdadeira aula super resumida,porem muito melhor do que você acha em livros e apostilas,bem direta ao ponto.Se todos nós,novos estudantes que começamos a pouco tempo a estudar a respeito,criarmos raízes desse texto e as respostas das questões em nosso cérebro,não precisaremos mais estudar,por exemplo,o “tão temido”Modelo OSI,pois ficou muito bom esse suas explicações e não só o modelo OSI,mais sim TUDO.

    PARABÉNS ,tomara que tanto você quanto todos os outros colaboradores possam escrever mais posts com assuntos para NOVOS ALUNOS,pois só lembrando,esse blog é o melhor(e único)voltado a Certificações CISCO,mas não só para quem já tem experiência e certificações,mas também para quem está começando.

    Muito Obrigado!! E Parabéns

    0

    0
  3. fernand0

    Ótimo post Márcia,

    Não sei se todos acreditam + eu acredito na força do pensamento.
    Uma coisa legal é faça mentalmente e pense q você vai conseguir.

    Um filme que recomendo para todos não só para CCNA mais para a vida é “O Segredo”, onde mostra o valor do pensamento positivo, coisas do universo. É um ótimo documentário, para mim ajudou bastante. EX: ao tomar banho escrevia no espelho com vapor SOU CCNA e em tudo eu pensava era CCNA. Não pensava que não ia passar, pensava logo eu SOU ccna.

    Claro com muito estudo e dedicação (principal) e pensamentos positivos consegui..

    Abraços

    0

    0
  4. fernand0

    Treine, estude se dedique.
    Pense em tudo mentalmente e com vibrações positivas terá uma carreira de puro sucesso cercada de amigos, paz e harmonia.

    0

    0
  5. CR

    Excelente post Márcia!!

    Pequenos detalhes geralmente fazem grande diferença, por isto um reforço/revisão é sempre muito bom.

    Abs,
    CR.

    0

    0
  6. rpgabriel

    Taí… nunca pensei que o Cerebelo fosse como uma memória RAM…

    O problema é passar tudo que a gente aprende para a NVRAM, dando o “Copy Running-Config Startup-Config” do nosso cérebro, pra quando a gente acordar no outro dia não tenha esquecido tudo… ahhaha

    Abraços, e boa sorte!
    Rony

    0

    0
  7. jonas

    ÓTIMO POST .

    0

    0
  8. Fernando Avelino

    Parabéns excelente post, me surpreendeu muito, Continue assim com seus excelentes posts, aquele da Access list mandei pra muita gente!

    0

    0
  9. Minu

    Márcia, ótimo post!!!!! Tira logo esse teu CCNA, você vai gabaritar hehe..
    Estou no aguardo do lab, mas sem pressa 😉
    E esta nova série que você acaba de lançar aqui vai ser uma grande ajuda pra prova que farei posivelmente no fim do mês, quero pegar a promoção do second chance 😀

    Abraços,

    Paulo Sousa.

    0

    0
  10. RODRIGOKD

    Parabéns Márcia!! Muito legal seu post!! E obrigado por compartilhar conosco.

    abraços

    Rodrigo Dallabona

    0

    0
  11. jefferson.aranha

    ÓTIMO POST! gosto muito de dicas que facilitam o aprendizado =D

    0

    0
  12. nandoismil

    Vou usar essa técnica, pois tenho muita dificuldade de concentração e memorização!
    Valeu Márcia!!!

    0

    0
  13. brunomansano

    Ótimo Post, Márcia…

    Mas uma duvida, cada interface de um router é um dominio de broadcast e colisão e o router não encaminha broadcast para outra interface desde que tenha sido configurado pra isso (isso é bem claro pra mim)… A dúvida é Pq um “Routers criam domínios de broadcast”?! Não entendi… elem(router) Criam??? Por qual necessidade?!

    0

    0
  14. rafaelbn

    Excelente Post Marcinha!
    Um Super-Mega-Refresh nos conceitos chaves!

    Um abração!
    Rafael Bianco

    0

    0
  15. leonardo_jupesc

    Márcia,

    Valeu pela dica muito prática…

    Abs

    Léo

    0

    0
  16. pauloeduardodf

    Muito bom o post Marcia….. por uma questao nao passei na prova. fiz 821, se tivesse fixado mais teria conseguido…. Mas estou me preparando para a próxima.

    Att

    Paulo Eduardo

    0

    0
  17. Fabricio Neves

    Ótimo post Márcia, lê-los SEMPRE valem à pena.

    0

    0
  18. Suzi

    Maravilha !!

    0

    0
  19. Hélder

    Muito bacana essas dicas……concerteza vou treinar essas técnicas!!!!!

    0

    0
  20. Marcia Guimaraes

    Meus amigos,

    Espero sempre colaborar com o crescimento profissional de todos.

    E é exatamente como o Thiago Lima disse, “uma forma que me ajuda muito em memorizar é tentando explicar a outra pessoa aquilo q aprendi”.

    Quando você ensina, você aprende DUAS vezes.

    Fico feliz em ver a receptividade de todos e obrigada pelas msgs de incentivo.

    E não se esqueçam, como sempre diz o Ferrugem, “Juntos somos ainda melhores”.

    Ah ! O próximo é TCP/IP.

    Logo… logo será publicado. 🙂

    Abs,
    Márcia

    0

    0
  21. Marcia Guimaraes

    Oi Bruno…

    Esclarecendo sua dúvida.

    Veja o post que comentei no fórum, vai esclarecer sua dúvida sobre porque domínio de broadcast tem a ver com o router.

    http://blog.ccna.com.br/forum/comments.php?DiscussionID=609&page=1#Item_11

    Abs,
    Márcia Guimarães

    0

    0
  22. sullivan

    Marcia, vi tambem algo parecido mais com crianças e foi bem interessante, eles haviam pego crianças com alguma dificuldade de aprendizado, por exemplo havia um menino que não conseguia se concentrar em nada a não ser quando estava brincando ou vendo desenho animado. O estudo foi feito da seguinte maneira, eles pegaram essas crianças e durante um periodo de 3 meses deram a elas três capsulas de Ômega 3 que como sabemos e encontrado em peixes, sardinhas em lata, mas nesse caso eram comprimidos. Algumas crianças tomaram um placebo de farinha de trigo, as que haviam realmente tomado o Ômega 3 desenvolveram um gosto (habilidade) incrivel com relação aos estudos, por exemplo para resumir o menino que não se concentrava em nada, passou a “comer” em torno de 3 livros por semana!!!!!!!

    Achei aquilo incrivel. Bem falavam os mais velhos que cabeça de peixe é bom para a inteligência.

    Acho que aquilo foi bem interessante e quem sabe realmente não funciona???!!!!!

    0

    0
  23. Marcia Guimaraes

    Oi Fernando…

    Concordo com vc plenamente. Acreditar é o segredo.
    Ah ! Não vi o filme “O Segredo”, mas vi o “Quem somos nós ?” que é a base do filme “O Segredo”.
    Mas verei em breve.
    E…
    Afirmar sempre o positivo.
    E energia positiva nunca é demais.

    Abs,
    Márcia Guimarães

    0

    0
  24. Anderson Dominitini

    Márcia, parabéns pelo seu post…. achei muito bacana este método….E adotei ele hoje durante um intervalo aqui no trampo pra testar… Finíssimo o método… obrigado.

    0

    0
  25. jair.rocha

    Comprovado cientificamente rsrs.., Um bom exemplo é quando prestamos suporte a usuários sem estar-mos conectado remotamente , visualizamos o ambiente e falamos : Tipo iniciar /executar/cmd e por ai a fora

    0

    0
  26. Luiz Silva

    Parabéns Márcia…
    ótimo post…

    0

    0
  27. brunoff

    Márcia, parabéns pelo post.

    Será de grande utilidade para meus estudos pro CCNA.

    0

    0
  28. Alexandre Schulze

    Essas dicas podiam virar um guia de bolso para qlqr estudante de CCNA!!
    Muito bom, parabéns.

    0

    0
  29. Fábio Vieira

    Muito bom mesmo, também tenho dificuldades em me concentrar e pegar firme nos estudos. Aqui toda ajuda é válida, muito bom mesmo seu post.

    0

    0
  30. Rafael Mendes

    Mto legal !!!

    0

    0
  31. Daniel Rodrigues

    Marcia,
    sem comentarios..
    vc conseguiu descrever de maneira sucinta e objetiva, uma forma de mentalizacao + materializacao, que alguns cursos cobram para fazer isso, e algumas pessoas demoram meses para aprender..
    Eu ja fiz um deles, e posso te garantir que o modo que vc descreveu, foi OTIMO.

    Gostaria de dar uma dica: Dormir bem é fundamental! pois é nessa hora que o cerebro, grava as informacoes aprendidas ao longo do dia. Ou como disse o amigo rpgabriel, é quando ele faz o: “Copy Running-Config Startup-Config”…
    Ha quem precise de 8 horas, outros menos ou um pouco mais, mas tente faze-lo de modo ininterrupto. Se vc acorda ao longo da noite, vc interrompe o processo de “gravacao” do cerebro, e isso nao eh nada bom..

    []s

    0

    0
  32. Tiago Frigério

    Boa noite…

    Muito legal esse post.. parece bobagem mais depois q vc ja esta estudando os protocolos de roteamento, acl, vlan, protoc wan, vc acaba esquecendo um pouco essa parte da base do ccna, realmente foi muito bom reforcar esse assunto.

    Muito obrigado por compratilhar seu conhecimento com a gente
    Abracos,
    Tiago.

    0

    0
  33. Marco Filippetti

    Márcia, fantástico!!! O número de comments em seus posts refletem a qualidade dos mesmos! Parabéns!!!

    0

    0
  34. leandrogrilli

    Desculpe…. exelentes informações…
    Só não entendi quando você falava da camada de apresentação e pois uma nota dizendo”qual camada você utiliza o tempo todo????? e meu ver todas… ou realmente não entendi.
    Obirgado pelas informações e se puder coração, tire essa duvida. E olha que eu ja tenho bastante… hehe

    0

    0
  35. Rodrigo Farias

    É um resumo de uma cadeira de redes que paguei quando tava fazendo graduação, excelente. Achei também interessante as “analogias”.

    0

    0
  36. Marcelo Conterato

    Márcia não poderia deixar de comentar teu excelente Post, certa vez fiz uma curso de memorização rápida e uma da técnicas usadas era a da Associação de palavras com coisas “absurdas”. Ex.: Uma lista de palvras a serem memorizadas, fica mais fácil se exagerarmos na ligação entre elas, Cavalo, Mesa, Geladeira, Sofá, tipo vizualizar o “cavalo em cima da mesa, a mesa dentro da geladeira, a geladeira em cima do sofá” e assim sucessivamente. Mais uma vez parabéns pelo ótimo material.

    0

    0
  37. Jair Tiago

    Parabéns Márcia, como sempre você com seu post’s de auta qualidade com muita transparência e objetividade.
    Grande abraço.

    0

    0
  38. Marcia Guimaraes

    Oi Leandro,

    Vc sabe que a camada Apresentação é responsável por definir como a informação é apresentada para o usuário na interface que ele está usando. Ela define diversas formas de texto, gráfico, vídeo, áudio que são apresentados ao usuário. E são com estes formatos que ela faz compressão, descompressão, formatação, encriptação, desencriptação. E para que tudo isso aconteça, repousa na camada de Apresentação ASCII, EBCDIC, JPEG, GIF, AVI, TIFF, MP3, MIDI, HTML. ok.

    Sua máquina típicamente utiliza como formato o ASCII, mas nem todas as máquinas usam esse formato. Quem é que resolve essa parada ???? A CAMADA DE APRESENTAÇÃO. Se sua máquina que usa ASCII conversar com outra que usa EBCDIC (que é um padrão IBM e alguns mainframes o utilizam), quem faz a tradução desse formato para o ASCII é a
    APRESENTAÇÃO. E se sua máquina típicamente IBM PC conversa com uma máquina MAC ??

    ok?

    E onde mais se vê diversos formatos de gráficos, de áudio e vídeo, senão no seu navegador, que faz uso de códigos de marca para definir como o dado será apresentado para o usuário, humm??

    Quando vc ouve um MP3 no seu navegador, ou WinAMP, seja lá onde for, e vc está acessando essa música remotamente, a camada de Apresentação está atuando como tradutora o tempo todo, porque ela se comunica com a camada peer que está na máquina remota para saber qual formato essa máquina usa.

    Uma técnica de transferência de dado feita com sucesso é adaptar o dado para um formato padrão antes da transmissão. Computadores são configurados para receber este dado formatado genericamente e então convertê-los de volta para seu formato nativo para leitura. Ao fornecer serviços de tradução, a camada de Apresentação assegura que o dado transferido da Camada de Aplicação de um sistema possa SER LIDO pela camada de Aplicação do outro host.

    Um exemplo bem conhecido está no livro do Wendell Odom para o exame CCNA. Ele diz :

    “O FTP habilita vc a escolher a transferência binário ou ASCII. Se binário for escolhido, o emissor e receptor não modificam o conte[udo do arquivo. Se ASCII for escolhido, o emissor traduz o texto do conjunto de caracteres do emissor para um padrão ASCCI e envia o dado. O receptor traduz de volta do ASCII padrão para o conjunto de caracter utilizado no computador receptor”.

    É isso.
    Espero ter esclarecido.

    Sds.
    Márcia Guimarães

    0

    0
  39. rcostam

    Show… show!
    Não sou muito de me pronunciar, mas quero registrar aqui meu GRANDE interesse em seus artigos… Sempre muito bons!!
    Sabe… testei sua simples (porém muito eficaz) solução para um troubleshoot diario e realmente ajuda bastante nas reações e ações que devemos ter.
    Novamente parabéns!!
    Obrigado!

    0

    0
  40. Petry

    Muito legal Marcia!!

    Aos que gostaram do assunto, pesquisem sobre ” Mapas mentais” .. é muito interessante!!!

    0

    0
  41. leandrogrilli

    Isso eu entendi meu anjo que eu não entendi é o seguinte…
    Nota: Quando você ouve uma música no seu navegador, um filme no YouTube, qual camada está atuando o tempo todo ??? isso se referindo ao protocolo da cama de apresentação…
    Porem ele não trafegaria sem …EX:
    -Cabeçalho ip
    -Mac pelo menos do router
    -se ethernet especificações 802.2 e.3
    -se frame relay DLCI e EIA/TIA ou V35 (não lembro)
    Ou seja qual atua o tempo todo?? Varia…
    Agora um problema frquente relaconado au code do player correto é um problema da camada de apresentação….
    Ou não entendi nada direito… 🙁

    0

    0
  42. guilhermehgalves

    O que seria de nós sem a sensibilidade aguçada das mulheres, Legal Marcia!!! Ótimo tópico !!! Com certeza ajudou muito na fixação de conteúdo.

    Obrigado!!! Bjos…

    0

    0
  43. Rodrigo Colen (BH)

    Marcia,

    Parabens pelo post, esta otimo mesmo!!

    Olha isso, sobre descansar ser importante senti muito quando fiz minha prova, enquanto estava no ritimo louco de estudar, estudar, revisar, praticar, me perguntava sobre um assunto, quais são as camadas do modelo OSI, ai ficava pensando para lembrar!!!

    No outro dia, após dormir… Me perguntava novamente, e na hora em tempo real a resposta estava na ponta da linha, como num passe de magica!

    Então acredito que descansar, destrair, passear, tambem fazem parte do aprendizado, tudo na medida certa!!

    Agora, vou aumentar os apelos dos colegas aqui, faz essa prova logo, que você vai gabaritar com certeza.

    grande abraço
    Rodrigo Colen

    0

    0
  44. Marcia Guimaraes

    Olá Leandro…

    Tudo a que vc se referiu está NÃO está na camada de Apresentação :

    CAMADA 3 => -Cabeçalho ip
    CAMADA 2 => -Mac pelo menos do router
    CAMADA 2 => -se ethernet especificações 802.2 e.3
    CAMADA 2 => -se frame relay DLCI e
    CAMADA 1 => EIA/TIA ou V35 (não lembro)

    Quando vc ouve, vê algo no seu navegador, vc utiliza os formatos já citados acima, como ASCII, EBCDIC, JPEG, GIF, AVI, TIFF, MP3, MIDI, HTML, que estão na camada de apresentação.
    O player usa formatos diversos…. todos… sem exceção estão na camada de apresentação.
    Acima da camada 4, Transporte, não se vê mais o endereço IP, que é responsabilidade da camada de Rede.
    Quando o dado chega na camada de apresentação ele só vê formato, compressão…

    Por favor, leia o capítulo 2 do livro do Marco. Vai reforçar os conceitos.

    ok?

    Sds.
    Márcia Guimarães

    0

    0
  45. Marcelo

    Muito bom Márcia. Parabéns!!!
    Seus posts sempre tem sido bastante interessantes!!! Continue sempre assim, trazendo informação diversificada pra nós!!

    0

    0
  46. leandrogrilli

    Ta virando papo de babado… (rsrs)
    Eu sei… O que eu quis te dizer é que sempre que chega um pacote trazendo um jpg, gif ou outro arquivo, sela ela de qual for o formato ele não chega sem que as outras camadas trabalhem… Tudo bem entendo que se você estivesse se referindo a que camada esta atuando com esse processo … Isso eu entenderia.
    O que não entendi é a intenção de afirmar que essa camada esta trabalhando mais do que as outras??? Quando todas elas trabalham igualmente.
    Isso esta no seu texto (excelente texto por sinal): “Nota: Quando você ouve uma música no seu navegador, um filme no YouTube, qual camada está atuando o tempo todo ??? isso se referindo a camada de apresentação…
    Mais cada pacote que chega do youtube trazendo as partes do vídeo ou musica teriam um cabeçalho ip, um tratamento de enlace e haveria trabalho também na camada física.
    Então o que eu não concordo , ou estou errado, é “Quando você ouve uma música no seu navegador, um filme no YouTube, qual camada está atuando o tempo todo ???” . Todas as outras camadas atuariam o mesmo numero de vezes , ”o tempo todo” ,que a camada de apresentação.
    E sobre ler livros… devagar, obrigado pelo conselho, mais to atolado deles. Mas esse já coloquei na lista .Valew!!

    0

    0
  47. bruno.tadeu

    Achei bem interessante, acho que a parte mais dificil, é arrumar quele tempinho pra estudar…rsssssssss

    Vou praticar!!!!!

    Aproveitando gostaria de comentar que o livro novo está muito bacana, comprei o meu ontem….. e tabem só aqui na empresa do meu setor mais 5 caras também estão com o livro novo!!!!!!!!

    Parabéns a todos!!!!!!!!!!!

    0

    0
  48. Chaider.lima

    Espero que seja útil porque na correria acaba esquecendo de tudo

    0

    0
  49. Marco Filippetti

    Márcia, to ficando enciumado!!! Parabéns, seu post já é um dos top 10 mais comentados do blog 😀 !!!

    0

    0
  50. Marcia Guimaraes

    Enciumado ?!?!? Não acredito…. 🙂

    Obrigada Marco !

    0

    0
  51. Rodrigo Falcão

    Fantástico Márcia…meus parabéns, vc está se superando a cada post!!
    Será que teremos futuramente mais uma brilhante autora de alguma obra voltada para o CCNA?

    ABS!!

    0

    0
  52. Mizael Andrade Reis

    Nossa Márcia pra lá de espetacular, tal como todos os seus posts.Já virou legado aqui no Blog, quando vem de Márcia, espere escritos surpreendentes!!!!!!
    E vlw por se lembrar do meu pedido Márcia, aguardo pacientemente

    Mizael

    0

    0
  53. brunoff

    Márcia, já dei os parabéns antes e torno a repetir, seus posts são muito bons. Parabéns.

    Marco, acredito que os posts da Marcia estão se destancando principalmente porque ela conseguiu atingir um maior nivel de usuários do Blog e são sem dúvida nenhuma de alto nível. Usuários que estão iniciando ainda os estudos de CCNA, são a maioria e procuram o blog por causa disso. Este post da Marcia e o post sobre access list refletem o que estou falando.

    Não estou querendo dizer que os outros são ruins, pelo contrário, o nivel dos colabs é muito alto e só encontramos posts excelentes no blog. As discussões técnicas do forum são de alto nível e tem sempre pelo menos um colab dando opiniões e soluções. Eu mesmo não fico mais um dia sem passar pelo blog.

    No meu caso por exemplo, como ainda estou iniciando os estudos, quando vejo um post mais avançado, procuror ler e tentar entender, mais chega num ponto que como não tenho o CCNA ainda é melhor salvar para ler depois , para não complicar a cabeça e perder o foco.

    Apesar disso ainda quero ver um colab escrevendo sobre HSRP e BGLP. hehehehehehe

    Que tal, por exemplo, o próximo post cobrir Redes Wirelless e Switching e assim aos poucos ir cobrindo todos os capitulos do livro.

    Parabéns Márcia e parabéns Marco pelo excelente Livro e Blog.

    Abs.

    0

    0
  54. brunoff

    Corrigindo “GLBP” Gateway Load Balancing Protocol

    0

    0
  55. thiagocella

    Nossa, mto bom!!!

    Acredito que funcione mesmo!!!

    Vou usar em todos meus estudos !!

    Mto GRATOO!!!

    Vlw Marcia!!!

    0

    0
  56. Minier

    Parabens! Excelente POST…nao poderia deixar de comentar.

    Abraços,

    Minier

    0

    0
  57. Renato henrique

    Muito bom Marcia Parabéns!

    0

    0
  58. Thiago Messias

    Márcia, parabéns!

    Suas contribuições são sempre excelentes! 😉

    Abraço,

    Thiago

    0

    0
  59. Juliana

    Adoro seus posts Márcia, parabéns!!

    0

    0
  60. Radirley

    Márcia, como não poderia deixar de ser, ficou excelente!!

    Sempre leio seus posts.

    Continue nos dando o prazer de aprender contigo 🙂

    Parabêns!!!

    0

    0
  61. ulissesfcjr

    Realmente, post fora de série!! Excelente… Parabéns Márcia! Cada post que leio seu fico impressionado
    com sua simplicidade ao passar informções. Parabéns mais uma vez!

    0

    0
  62. Edson Lima

    Sou novo no Blog e comecei o curso CCNA EAD. Estou, dentro do tempo disponivel que tenho, lendo cada post que me chama a atenção. Realmente, seu post está fora de série. Muito Bom, Excelente Márcia.

    0

    0
  63. ferrugem

    Primeiramente, seja bem vindo ao Blog Edson!

    Por aqui vais encontrar muito, mas muito mesmo, conteúdo que certamente irão lhe ajudar rumo ao CCNA! Os textos da Márcia realmente são excelentes!!! 😉

    Assista as aulas do curso e vá procurando sobre os tópicos abordados aqui no Blog e no Fórum… Se tiver dúvidas novas, não hesite em perguntar! Estamos todos aqui para ajudar uns aos outros!

    Use e abuse do moodle.. Lá também é um excelente lugar para esclarecer suas possíveis dúvidas!

    No mais, bons estudos e empenhe-se. No final verás que valeu a pena!

    Abraços e sucesso,
    Felipe Ferrugem!!!

    “Juntos somos ainda melhores!!!”

    0

    0

Deixe uma resposta