Voltar para OFF Topic

[OFF] Países/Cidades/Salários/Custo de vida e Afins

Home Fórum OFF Topic [OFF] Países/Cidades/Salários/Custo de vida e Afins

Visualizando 18 respostas da discussão
  • Autor
    Posts
    • #48291
      Fernando Avelino
      Participante

      Esse tópico é para tratarmos dúvidas sobre Custo de vida em cidades, países, faixa salarial e afins para os membros que tem interesse em mudar para outra localidade. Continuando o topico: http://blog.ccna.com.br/forum/comments.php?DiscussionID=7414&page=1#Item_33

    • #111402
      Fernando Avelino
      Participante

      @Igor, um ap desse por aqui não sai por menos de 1.5/2 milhões num bairro de classe média, média/alta…. Eu acho que você stá certo mesmo, sair agora só se for pra ganhar no mínimo o dobro, ou uma oportunidade qeu vai dar uma guinada, sair pra fazer a mesma coisa, ganhar pouca diferença e passar stress não compensa

    • #111403
      roboxtz
      Participante

      É,os salários não acompanharam o aumento bizarro nos preços dos imóveis,um imóvel que se poderia comprar com certo salário á um tempo atrás hoje já não dá pra adquirir ganhando a mesma coisa.

    • #111404
      victor.rebli
      Participante

      O crescimento do valor dos imóveis é algo insustentável, e parece que o problema se repete em todos os grandes centros.

      Até mesmo buscar quartos para alugar está saindo caro.
      No site easyquarto, alugar um quarto(em são paulo por exemplo) em républica, casas, etc. saem muito caro, 600, 700 reais, se for quarto particular,
      a situação fica pior.

    • #111405
      rgentil
      Participante

      Aqui onde eu moro casa eh caro tambem…alguem dependendo do lugar onde mora tambem fica carinho……

    • #111406
      Igor Mendonça
      Participante

      Se tem uma coisa que estou torcendo do fundo do coração é pra que essa bolha exploda logo. Tem muito nego trouxa investindo R$5 milhões pra querer tirar R$15-20 milhões em coisa de 3-5 anos. Eu quero ver é o dinheiro indo pro ralo e nego chorando dizendo que a coisa tá difícil. Quem nada em lucro especulativo tem que nadar em bosta cedo ou tarde. hahah

    • #111407
      zekkerj
      Participante

      Aqui no RJ a gente tem duas situações, uma de alguns lugares que estavam sub-valorizados devido à violência (exemplo máximo, Grande Tijuca) e que recuperaram seu valor graças ao programa das UPPs, e outro de sobre-valorização por excesso de procura [ou, no meu entendimento, excesso de facilidade de compra].

      -----------------------------------------------------------------------------
      Receba Johrei e purifique seu Espírito.
      http://www.messianica.org.br/o-johrei.jsp

    • #111408
      roboxtz
      Participante

      Tem gente que comprou imóveis pra ivnestir quero evr depois que o preço despencar se vão conseguir pagar a conta.

    • #111409
      Moonspell
      Participante

      Senhores, passei por essa situação há pouco tempo. Sou de BH e trabalhei em SP por dois anos e meio.
      Em BH trabalhei numa grande operadora de telecom. As coisas estavam minguando e, no final, recebi uma proposta de transferência. Era isso ou rua. Aceitei e fui pra SP. Lá morei no ABC, pertinho da empresa. Posteriormente, fui para uma grande construtora, em SP. Esse ano voltei para BH, trabalho em uma consultoria. Recebo bem melhor do q qdo saí de BH no passado.

      Qdo se é solteiro, vale mto à pena ir para SP. É possível dividir um AP ou alugar um quarto. Fiz ambos e foi bem tranquilo. O custo cai bastante. Foi uma experiência de vida, em todos os sentidos. Cresci mto profissionalmente e aprendi a viver sem minha família.

      Qto ao custo de vida, depende mto de onde vc deseja morar em SP. A região/bairro influencia em td…imóveis, supermercado, etc… No ABC, mtas coisas eram até mais baratas q em BH. Imóveis com valor razoavel… Já em SP, o bicho pega, principalmente moradia. Isso me apertou um pouco na época.

      Recebia proposta toda semana. Boas propostas em boas empresas. O dificil e ficar mto tempo na mesma empresa. Isso te dá um conforto impar. Me sentia seguro. Em BH o esquema é outro. N tenho mtas opções e às vezes me sinto inseguro em relação a emprego, mesmo tendo um ótimo CV.

      No entanto, em BH, posso morar num lugar mto bom pagando mto menos. Próximo ao trabalho, sem transito caotico, acordando mais tarde…Enfim, é ótimo. O que mais pesa é o desenvolvimento da carreira, q é mais lento.

      Para melhorar minha empregabilidade, estou fazendo uma pós em gestão, onde certamente terei melhores oportunidades em BH. Se aparecer algo em SP, a depender da proposta (salário, função e empresa) iria sim, temporariamente. Para voltar ainda melhor, como eu fiz no passado.

      Cada um sabe onde o calo aperta. É uma decisão mto pessoal.

    • #111410
      adamus0007
      Participante

      Bolha imobilaria provavelmente nao vai ter , ja que a mesma depende de quantidade
      de credito disponivel no mercado e no Brasil a fatia ainda esta pequena.

      O que pode acontecer que os precos dos imoveis vao parar de subir e podem ate cair um pouco.

      Por outro lado o que pode forcar o preco dos mesmos cair e a oferta que esta muito grande.

      Gostaria de entender uma coisa: em todos os emprendimentos novos , em construcao que vou
      ( faixa de precos 700k-1mil Rio de Janeiro) , para serem entregues em 18-24 meses ou mais ,quase todas as unidades
      (prinicpalmente mais caras) estao vendidas ou o que corretores falam.

      Para mim isso e uma mentira , ja que nao eh possivel que tem tanta gente com dinheiro ou facilidade
      de credito no mercado para comprar .

      Quando vc precisa ganhar para conseguir um credito de 700k ate 1 milhao?
      O banco segue regras de credito e nao da credito a toa.

      Observacao : se quiser verificar a mentira do corretor , faca seguinte.
      Vain num stand de vendas , fala que se interesou por um ap e depois que eles
      comecam te ligar p fechar , fala que vc mudou de idea e se interesou por
      uma unidade mais cara ( cobertura) por exemplo .

      Vc vai ser suprender que no dia seguinte ou depois algum deles vai te ligar para
      dizer que uma das unidades foi liberada ( alguem desistiu da compra) e ainda vou
      te oferecer um desconto se for paga avista ou outra coisa etc…

      Ja me ofereceram cobertura de 170m por preco de 70 m no mesmo emprendimento.

    • #111411
      zekkerj
      Participante

      @adamus0007: "…nao eh possivel que tem tanta gente com dinheiro ou facilidade de credito no mercado para comprar ."

      Eu discordo. Com a queda dos juros, ficou muito barato financiar qq coisa. É só ver a quantidade de carros nas ruas, carros caros, acima de 40, 50 mil reais.

      -----------------------------------------------------------------------------
      Receba Johrei e purifique seu Espírito.
      http://www.messianica.org.br/o-johrei.jsp

    • #111412
      rwestphal
      Participante
    • #111413
      Moonspell
      Participante

      Brasileiro não tem cultura do planejamento, poupar, investir…Fora q é mto imediatista.
      O que importa é a parcela caber no bolso, não interessa o valor final nem qto tempo ficará pagando. O governo agora aumentou para 35 anos o prazo para financiar imóveis pelo SFH. Resultado: aumento de demanda com possível elevação no preço dos imóveis, de novo.

      Nossos juros continuam altissimos. Na verdade, estão é subindo. Mas isso não interessa ao brasileiro, louco para comprar o imóvel ideal sem ter boa parte da grana no bolso. Como resultado, temos famílias cada vez mais endividadas. Pesquisas indicam q mais da metade das familias brasileiras está com 50% do orçamento comprometido com dívidas. Isso é resultado de uma política populista e burra do governo, que só sabe fomentar a demanda, sem olhar para o outro lado, o da oferta. O brasileiro fica numa felicidade danada no momento da compra do imóvel, sem pensar no futuro. A economia globalizada gira mto rápido. Hj estamos bem, amanhã pode aparecer uma nova crise e pronto, o cara pode perder o emprego e fica sem condições de arcar com a parcelas. Se sofrer uma doença então, aí ferrou de vez. 35 anos é mto tempo. Tanta coisa pode rolar, crises, problemas pessoais…financiamentos longos n são boa coisa. É arriscado e mto oneroso.

      O governo tem q tornar o país mais competitivo, essa é a saída para o surgimento/expansão de negócios. Levando a mais empregos, elevação de renda…E atuar na oferta, incentivando novos empreendimentos, diminuindo o preço médios dos imóveis. Consequentemente, as pessoas terão mais grana no bolso e moradias mais baratas para morar.

    • #111414
      zekkerj
      Participante

      Uma coisa tem que ficar clara: com ou sem bolha, moradia barata é sinônimo de moradia fora dos grandes centros.

      Morar em lugar com qualidade de vida é sempre caro, por um motivo simples: todo mundo quer morar num lugar assim, portanto o preço do m² sobe. Isso é oferta x procura básica.

      Ou alguém acha que o preço do m² no Queens é o mesmo de East Side, em NY?

      -----------------------------------------------------------------------------
      Receba Johrei e purifique seu Espírito.
      http://www.messianica.org.br/o-johrei.jsp

    • #111415
      Bruno Alves Monteiro
      Participante

      @zekkerj

      Na minha opinião em SP o custo de um imóvel não acompanha qualidade de vida, a maioria das pessoas ficam felizes quando o metro ou trem é perto de casa, é claro que existe qualidade de vida aqui também, mas é em uma escala menor que no interior, por exemplo.

      Acredito que o custo na capital é alto por que é aqui que as coisas acontecem, as maiores empresas (pelo menos de TI) estão aqui, além é claro do oportunismo de quem quer vender um imóvel, ninguém vai querer vender um imóvel por um valor abaixo de mercado e isso cria um efeito dominó, em que os valores vão aumentando cada vez mais.

    • #111416
      thiago.fiorini
      Participante

      Lembrando que a cada nova estação de trem/metrô entregue há uma grande valorização da região… Quem estiver num raio de 4, 5 km geralmente irá preferir se deslocar até a nova estação para ir trabalhar, estudar..

      Há um tempo atrás fiz um percurso de Santana(z. norte) ao Grajaú (Z. sul) usando trem e metrô, com tempo total de 1 e 30h. De carro, no mesmo horário levaria muito mais tempo (E não gastaria apenas R$ 3,00)

      E com a previsão de desenvolvimento de novas linhas, integração de estações e etc, imagino que os preços de imóveis ainda vão aumentar bastante.. Os mais baratos são aqueles em locais de difícil acesso, longe de transporte, hospitais, escolas – E coincidentemente ou não, são bairros com altíssimo índice de violência.

    • #111417
      zekkerj
      Participante

      @Bruno Alves Monteiro: "Na minha opinião em SP o custo de um imóvel não acompanha qualidade de vida, a maioria das pessoas ficam felizes quando o metro ou trem é perto de casa, é claro que existe qualidade de vida aqui também, mas é em uma escala menor que no interior, por exemplo."

      Não vai acompanhar linearmente, e não em todos os quesitos. Mas que vai acompanhar de alguma forma, vai.

      -----------------------------------------------------------------------------
      Receba Johrei e purifique seu Espírito.
      http://www.messianica.org.br/o-johrei.jsp

    • #111418
      adamus0007
      Participante

      @zekkerj

      Nao estou falando de 50 mil mas de 1 milhao
      Faz diferenca

    • #111419
      zekkerj
      Participante

      Claro que faz. Mas quanto desse milhão é especulação, quanto é valor real, quanto é qualidade de vida, quanto é ostentação?

      -----------------------------------------------------------------------------
      Receba Johrei e purifique seu Espírito.
      http://www.messianica.org.br/o-johrei.jsp

Visualizando 18 respostas da discussão
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.