A mentira tem pernas curtas!!!

Pessoal,

Ontem recebi um e-mail de um indivíduo de Angola que prefere esconder-se atrás de um e-mail anônimo. Para não ter que “narrar” o e-mail, decidi posta-lo aqui, na íntegra, como um alerta. Segue:

Boas Marco,

Visitei seu blog enquanto passeava pela net a procura de algumas respostas. Sendo você certificadérrimo e fala português nada melhor do que solicitar ajuda a sua pessoa.

Bem o que eu gostaria mesmo de saber é se seria ou é possível verificarmos se alguém “passou” mesmo no exame da cisco CCNA ou CCNP sem mostrar certificado, tipo pedir-lhe um ID Number e com ele ir a uma BD verificar se o nome dele esta cadastrado.

Por outra, é possível forjar um certificado ?

É que tenho um amigo que tem uma vaga para trabalhar numa grande empresa, eu sei que ele tem a capacidade mas infelizmente nunca fez nenhuma certificação por falta de dinheiro.

Ele aprendeu redes com Engenheiros da Alcatel, ele era motorista, e quando iam fazer instalações acabavam por lhe “envolver” para terminarem rápido as coisas e ele foi se interessando.

Em Janeiro nos dirigimos a Multirede aqui e ele fez um teste de nivelamento como eles chamaram (fogo fizemos uma vaquinha entre amigos e deu 80 USD, foi o que ele pagou) e o cara disse que ele poderia muito bem fazer o CCNA sem problema.

Então, não há dinheiro, se ele conseguir um certificado consegue trabalhar logo poderá depois fazer a certificação a sério e fazer tanto o CCNP como ele quer.

Obrigado

Antes de mais nada, devo exaltar a cara de pau do indivíduo. Que conversa fiada!!! Se o “amigo” dele tem mesmo a capacidade mencionada, que certifique-se! Forjar uma certificação e mentir que a possui é crime, não se enganem. Falsidade ideológica! Na melhor das hipóteses, o indivíduo em questão nunca mais arruma um emprego na área.

Para completar, é importante lembrar que não apenas é possível a verificação da originalidade do certificado, como a maioria das empresas hoje já estão habituadas a fazer esta checagem. Os novos certificados da Cisco já vêm com um “Check Code”, que permite checar sua validade no site da Cisco: http://www.cisco.com/go/verifycertificate. E para os certificados mais antigos, o portador pode “publicar” suas credenciais para quem solicitar via “Certification Tracking System”: http://www.cisco.com/go/certifications/login – “Publish Credentials”. Ou seja, a mentira – mais do que nunca – tem pernas curtas!

O pior é que não para por aí… em um e-mail posterior, nosso amigo de Angola pede, descaradamente, meu Cisco ID!!! Vejam:

AlÔ Marco,

Obrigadão pela pronta resposta.

Após enviar o email fiquei pesquisando com ele e descobrimos esse site de verificações do certificado so não encontramos o outro 🙂

Mas isso so vai acontecer SE a empresa colocar em causa os “dotes” dele que são bastantes amplos e tenho a certeza que passará despercebido.

Agora uma pequena questão, pode nos ajudar a conseguir isso para ele ?

E assim que ele tiver entrado e juntar o necessário solicitado pela Multirede fazer e conseguir a certificação ele mesmo te contactará e enviará o “verdadeiro” código. Qual o seu ID? obrigado mais uma vez 😛

Muito grato pela ajuda mais uma vez.

É demais ou não é?!?!?!?!

Este bateu o recorde!!! Se você, que me escreveu estes e-mails, estiver lendo este post, saiba que já dei um forward de seus e-mails para a Multirede em Angola. Eles cuidarão de alertar as empresas locais. Seu nome é de menos. A verdade vem a tona, hora ou outra.



Comente usando o Facebook!

Deixe uma resposta